Fechar
Sexta, 27 de maio de 2022
Sexta, 27 de maio de 2022
Política 19/01/2022

Marcelo Rangel anuncia desfiliação do PSDB

Ex-prefeito de Ponta Grossa e atual superintendente de Inovação do Paraná deixa o Partido da Social Democracia Brasileira e vai buscar outra agremiação

Ouça a notícia Tempo de leitura aprox. --
Marcelo Rangel anuncia desfiliação do PSDB

O ex-prefeito de Ponta Grossa e atual superintendente de Inovação do Paraná, Marcelo Rangel, não integra mais os quadros do Partido da Social Democracia Brasileira (PSDB) a partir desta quarta-feira (19). Rangel anunciou a saída do ninho tucano em nota oficial, que segue abaixo na íntegra:

"Eu, Marcelo Rangel Cruz de Oliveira, Secretário Geral do Partido da Social Democracia Brasileira no Estado do Paraná, venho solicitar a minha desfiliação desta agremiação a partir da presente data, por entender que o atual direcionamento e recentes decisões levam a um posicionamento que não entendo ser adequado para o meu trabalho político. Renuncio ao cargo de Secretario Geral do partido bem como deixo de ser filiado ao PSDB, partido pelo qual nao disputei candidaturas, mas tinha apreço no passado. A partir deste momento, farei analises técnicas e de propósitos para iniciar uma nova trajetória pública em outro partido", afirmou Rangel.

Rangel passou boa parte da sua trajetória política até o momento no antigo PPS, atual Cidadania, e se filiou no PSDB durante o seu segundo mandato na Prefeitura de Ponta Grossa. Chegou a ser cotado para assumir a presidência da legenda no Paraná, mas compôs a chapa vencedora e passou a ser Secretário Geral dos tucanos paranaenses.

Agora, uma ala do PSDB dá mostras de que pretende apresentar candidato ao Governo do Paraná, para fazer frente ao atual governador, Carlos Massa Ratinho Junior (PSD). Como Rangel é amigo e integra a equipe do governo estadual, viu que os caminhos que o partido está tomando no estado não são os mesmos que ele pretende seguir.

Como Rangel deve participar das Eleições deste ano como candidato, vai analisar as possibilidades de partidos aliados do governador para passar a integrar. Um provável destino é o PSD, que tem Ratinho Junior como filiado e também o seu irmão, o deputado federal e atual secretário de Infraestrutura e Logística do Paraná, Sandro Alex. Outras legendas aliadas também não estão descartadas.